Está aqui

Olimpíadas Ibero-americanas de Biologia

Olimpíadas Ibero-americanas de Biologia

 

As Olimpíadas Ibero-americanas de Biologia (OIAB) são uma competição de Biologia para estudantes dos países ibero-americanos, realizada anualmente,  nos meses de agosto-setembro. A competição tem a duração de uma semana e reúne vencedores de olimpíadas nacionais de Biologia nos respetivos países, acompanhados pelos professores ligados à organização local dessa prova.

Estas Olimpíadas são um concurso entre jovens estudantes ibero-americanos cujos objetivos principais são:

· Promover o estudo das Ciências Biológicas e estimular o desenvolvimento dos jovens talentos nesta ciência;

· Contribuir para estreitar laços de amizade entre os países participantes e criar um marco propício para fomentar a cooperação, o entendimento e o intercâmbio de experiências.

As OIAB realizam-se desde 2007, tendo as I OIAB decorrido na Cidade do México (México), as II OIAB no Rio de Janeiro (Brasil), as III OIAB em Las Palmas, Ilhas Canárias (Espanha), as IV OIAB em Lima (Peru), as V OIAB no Chile, as VI OIAB em San Jose (Costa Rica), as VII em Lisboa, Portugal, as VIII em Río Cuarto, Argentina e as IX em El Salvador.

Em 2016 as X Olimpíadas Ibero-americanas de Biologia (OIAB) terão lugar em Brasília.

Cada país pode enviar até 4 alunos e 2 professores. Podem participar estudantes que não tenham entrado na universidade e que tenham estudado os últimos 3 anos no país que representam.

Os países participantes são: Argentina, Bolívia, Brasil, Costa Rica, Cuba, Equador, El Salvador, Espanha, México, Peru e Portugal.

Os alunos portugueses que participaram nestas olimpíadas foram treinados em instituições de reconhecido mérito na área científica, nomeadamente o Instituto Nacional de Investigação Agrária e Veterinária (INIAV), Biocant, Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa (FCUL), Instituto Superior de Psicologia Aplicada (ISPA) e Jardim Zoológico de Lisboa.

Participação Portuguesa:


IX OIAB 2015 – El Salvador

Participaram nestas Olimpíadas 11 países e um total de 40 alunos, acompanhados por 20 professores (entre Delegados dos países e convidados). Participaram também 4 países Observadore (Colombia, Guatemala, Panamá e Venezuela). A delegação portuguesa constituída por 4 alunos e por 2 Delegados (José Matos -Coordenador das Olimpíadas Portuguesas de Biologia - e e Paula Castelhano - Professora de Biologia no Externato Cooperativa da Benedita) conquistou 2 medalhas de bronze e 2 Diplomas de Mérito.

 

 

 

VIII OIAB 2014 – Cidade do México

Participaram nestas Olimpíadas 11 países e um total de 44 de 44 alunos, acompanhados por 30 professores (entre Delegados dos países e convidados). Participaram também 4 países Observadore (Colombia, Guatemala, Panamá e Venezuela). A delegação portuguesa constituída por 4 alunos (Luísa Raquel Morgado, Beatriz Vivar de Sousa, Lourenço Teles Saldanha e Miguel Vaz Domingues) e por 2 Delegados José Matos -Coordenador das Olimpíadas Portuguesas de Biologia - e Joana Capucho - Professora de Biologia na Escola Secundária Fernando Lopes Graça) conquistou 1 medalha de prata, 2 medalhas de bronze e 1 Diploma de Mérito.

 

 

 


VII OIAB 2013 – Rio Quarto/Argentina

Participaram nestas Olimpíadas 10 países e um total de 44 alunos, acompanhados por 30 professores (entre Delegados dos países e convidados). A delegação portuguesa constituída por 4 alunos (António Ladeira, Ana Damasceno, Lara Dias e Alexandre Castro) e por 2 Delegados (José Matos -Coordenador das Olimpíadas Portuguesas de Biologia - e Joana Capucho - Professora de Biologia na Escola Secundária Fernando Lopes Graça) conquistou 2 medalhas de prata, 1 medalha de bronze e 1 Diploma de Mérito.

 

 

 

VI OIAB 2012 – Cascais  – Portugal anfitrião

Estas olimpíadas, que tiveram como anfitrião o nosso país, envolveram 9 países e um total de 31 alunos, acompanhados por 20 professores (entre Delegados dos países e convidados).
Os alunos participaram em 3 tipos de provas: Provas Teóricas (2 exames de 2 horas cada); Provas Práticas (3 exames laboratoriais de 75 minutos cada) e ainda um Rally, uma prova realizada por equipas constituídas por jovens de diferentes países, em ambiente de floresta no Parque Cascais-Sintra, no qual os competidores realizaram provas de “desporto aventura” e de “Biologia”. Todos os países felicitaram Portugal para qualidade da organização do evento, pela originalidade e rigor das provas e por toda a qualidade das experiências vividas. A delegação portuguesa conquistou 1 medalha de prata, 2 de bronze e 1 Diploma de Mérito.

 

 

V OIAB 2011, Costa Rica

Estas olimpíadas contaram com a participação de 45 alunos, oriundos de 11 países. A delegação portuguesa constituída por 4 alunos (Beatriz Madureira, Ana Beatriz Teixeira, Diogo Maia e Silva e Rui Pedro Nunes) e por 2 Delegados (José Matos -Coordenador das Olimpíadas Portuguesas de Biologia - e Paula Castelhano - Professora de Biologia no Externato Cooperativa da Benedita) ganhou uma medalha de bronze.

 

 

 


IV OIAB 2010 – Lima/Peru

Nestas olimpíadas, as primeiras em que Portugal participou, a delegação portuguesa constituída por 4 alunos (Ana Luísa Marques Pereira; Filipa Isabel Mendes Mateus Serrazina; Liane dos Santos Canas e Paulo Miguel Vicente Batista) e por 2 Delegados (José Matos -Coordenador das Olimpíadas Portuguesas de Biologia - e Paula Castelhano - Professora de Biologia no Externato Cooperativa da Benedita) representaram o nosso país de forma brilhante, tendo obtido resultados muito elevados nas provas práticas e deixado uma marca de competência e de bom companheirismo entre todos os participantes.