Está aqui

Olimpíadas Ibero-americanas de Matemática

Olimpíadas Ibero-americanas de Matemática

As Olimpíadas Ibero-americanas de Matemática (OIAM) destinam-se a todos os países de língua espanhola e portuguesa e tem como objetivos:

· Estimular o estudo da Matemática e o desenvolvimento de jovens talentos nesta ciência;

· Promover a amizade e o convívio entre estes jovens;

· Criar uma oportunidade para a troca de experiências educativas entre professores destes países.

As XXX OIAM decorreram entre 6 e 14 de novembro de 2015, na cidade porto-riquenha de Mayagüez. Esta foi uma edição especial, em que se comemoraram os 30 anos das OIAM, e Portugal assinalou os 25 anos da sua primeira participação nesta competição. Com o resultado notável obtido em 2015, Portugal soma agora no seu histórico de participações nas OIAM seis medalhas de ouro, todas elas alcançadas nos últimos oito anos.

A equipa que representou Portugal nas XXX OIAM conquistou ouro, prata e bronze: são estas as medalhas conquistadas pela equipa a representar Portugal em Porto Rico, nas Olimpíadas Ibero-Americanas de Matemática (OIAM). Francisco Andrade (Matosinhos) alcançou um resultado brilhante, com pontuação máxima, conquistando uma medalha de ouro, à semelhança do que havia conseguido o ano passado nas Honduras. A medalha de prata foi conquistada por Nuno Santos (Porto). A medalha de bronze foi conquistada por Alberto Pacheco (Gondomar), que ficou a um ponto apenas da medalha de prata, e por David Andrade (Albufeira), a escassos dois pontos do nível seguinte da classificação.